O caso da espionagem no governo Lula: a gestão pública acima do bem e do mal

01set08

É incrível a capacidade deste atual governo em fazer as coisas erradas! Fico pasmo com tanto desmando e falta de ética, gestão pública desrespeitosa e acima de tudo, como a máquina petista tenta a todo custo mudar a relação do que é certo e errado neste País. O gosto pelo poder é tanto que a todo custo eles tentam, a seu modo, a bel prazer, fazer aquilo que bem entendem!

E mais este caso de espionagem desvendada pela revista Veja em seu número da semana passada é mais um caso somente? Esporádico? Ou esta tendência da deturpação da gestão pública do nosso aclamado e popularesco presidente continuará até o final de seu mandato?

E olha que este escândalo é descoberto em pleno ano eleitoral! Haja “cara de pau! com a gestão pública e o que é pior: com todo os cidadãos de bem deste Páis que estão à mercê de uma quadrilha que se apossou do bem público e quer ir muito mais, ir além, a todo custo manter tamanha barbaridade com bem público.

Não precisa de muito mais que isso para homens públicos mofarem atrás das grades em países mais sérios e que respeitam os cidadãos que representam.

Estamos de volta com mais uma chance de processo de impeachment? Viver no limiar da emimente possibilidade em perder o que tanto custou para conseguir é sinal de desrespeito e muito mais que isso: de que algumas pessoas foram feitas para viverem eternamente acima da lei. O homem acima do bem e do mal.

Estamos perdendo a capacidade do discernimento daquilo que é certo e errado?

Diogo Mainardi disse algo interessante em sua coluna, na edição de nº 2075 da revista Veja sobre o desempenho de nosso esporte nas Olimpíadas de Pequim a qual devemos concordar:

“O Brasil fracassa no esporte pelo mesmo motivo por que fracassa como país: temos uma sociedade acovardada, fujona, avessa à luta. Tudo aqui é feito para desestimular a disputa, para reprimir o desafio pessoal, para amolecer o caráter:o parasitismo estatal, a política fundada no escambo, a cultura baseada no conchavo, a repulsa por idéias discordantes. Esse nosso temperamento de rebanho inibe qualquer forma de atrito, qualquer tipo de inconformismo, qualquer espécie de enfrentamento.”

É assim o País que desejamos construir?

Leia também:

10.04.2008: Petrobras, gasolina, etanol e governo Lula: “Em casa de ferreiro, espeto é de pau”.

21.02.2008: Para Lula, companheira Matilde Ribeiro teve apenas falhas administrativas.

12.02.2008: Senador Jefferson Péres e a dilapidação do capital ético deste País.

Anúncios


No Responses Yet to “O caso da espionagem no governo Lula: a gestão pública acima do bem e do mal”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: