Profissão perigo: Cuidar de blog. Reportagem mostra que blogar pode se tornar profissão de risco.

10abr08

O New York Times destaca casos de blogueiros que sofreram infarto e relata os males do trabalho 24 horas por dia, sem interrupção. A atividade de blogueiro começa mostrar sinais que podem enquadrá-la na categoria de “profissões de risco”, confome mostra esta reportagem do New York Times.

O fator de risco resulta dos altos níveis de stress gerados por trabalho sedentário de leitura e escrita 24 horas por dia, sem interrupção. Como trabalham em casa, os blogueiros não tem hora para começar ou terminar, segundo a reportagem.

Além disso, no mundo dos blogs, tempo é tudo. Se você é o primeiro a encontrar, analisar e postar a notícia, você colherá os louros do tráfego, e portanto fará mais dinheiro – já que os blogueiros profissionais são pagos por cliques ou por post.

O alto nível de stress da profissão já fez vítimas de ataques cardíacos, segundo o NYT: o blogueiro de tecnologia Russell Shaw, 60, e Marc Orchant, 50, que faleceram recentemente, como lista o NYT.

Om Malik, outro blogueiro conhecido da área de tecnologia, sobreviveu a um ataque cardíaco. Ele tem apenas 41 anos.

Outros profissionais da área reclamam de perda ou ganho de peso, distúrbios do sono e outros males decorrentes do trabalho ininterrupto, relata a reportagem.

Via IDG Now!

Anúncios


No Responses Yet to “Profissão perigo: Cuidar de blog. Reportagem mostra que blogar pode se tornar profissão de risco.”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: