Prato do dia no Palácio da Alvorada: Arroz, feijão, pimenta e apagão!

01fev08

Como disse o residente do Palácio da Alvorada, o País está muito mais preparado para superar as crises do que esteve nas últimas décadas e que na base do arroz, feijão e pimenta o Brasil continuará nos trilhos do crescimento sustentável.

Obviamente que estamos diferentes de épocas passadas e o que nos diferencia? Apenas que estamos com outros problemas, aliás, problemas “caseiros”, apenas nossos.

Se bastasse dizer ‘Não me venham com cortes de luz’, seria muito mais fácil, mas e as empresas, como fazer? Pelo visto é deixar de produzir… e esperar a situação melhorar.

E o que dizer das empresas que precisaram investir em fornos a gás acreditando no fornecimento pleno, mas para isso basta endurecer com o presidente boliviano, como fez a Petrobras, para tentar aliviar um problema que ela mesma, a Petrobras, originou!

E o biodiesel então, como muito bem comentou a economista Miriam Leitão. E lendo seu artigo podemos afirmar que os problemas do B2 aplicariam muito bem em muitos outros que o País enfrenta, que é a ingerência administrativa e a completa falta de planejamento. E que falta isso faz, planejar e investir!

Mas tudo bem, as turbulências são externas e os problemas são internos e o dinheiro continua entrando no País.

Anúncios


No Responses Yet to “Prato do dia no Palácio da Alvorada: Arroz, feijão, pimenta e apagão!”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: